Sobre o PEMSE

Conheça a nossa história

A partir de uma demanda surgida em Juiz de Fora, no ano de 2002, período em que adolescentes estavam acautelados de forma irregular no CERESP – Juiz de Fora, o presidente do Instituto Jesus (obra espírita de amparo a crianças e adolescentes) se solidarizou com a causa, decidindo colaborar para a efetivação e garantia dos direitos dos adolescentes. Com a aprovação do Conselho da Instituição, decidiu acolher os adolescentes que se encontravam naquela carceragem, criando assim um departamento no Instituto Jesus denominado PEMSE – Pólo de Evolução de Medidas Socioeducativas.

Com a mudança da direção do Instituto Jesus e não havendo interesse em manter o programa de execução das Medidas Socioeducativas de Internação e Semiliberdade, foi constituído em Organização Não Governamental o PEMSE – assumindo assim a execução das medidas em meio fechado. A partir de janeiro de 2007, assina junto ao Governo do Estado de Minas Gerais, através da Secretaria de Estado de Defesa Social, o convênio para execução das referidas medidas.

Em Março de 2008, com a inauguração do Centro Sócio Educativo de Juiz de Fora, o PEMSE passa a executar com exclusividade em Juiz de Fora a medida socioeducativa de semiliberdade.

Ao final de 2011, devido a demanda da Comarca de Muriaé, o PEMSE inaugurada sua segunda Casa de Semiliberdade. Em 2013, assume a gestão de 3 (três) casas de semiliberdade em Belo Horizonte e em 2014, cria mais uma Casa também na capital do Estado.

Por fim, em 2015 novo Termo Aditivo amplia o número de Casas em Juiz de Fora, e o PEMSE assume também a gestão da Casa de Governador Valadares.


Entrar em contato

Para entrar em contato conosco click aqui ou use o número de telefone abaixo. Entraremos em contato o mais breve possível.


A Sede

Casa de Semiliberdade Caminheiros de Jesus

Rua: Bernardo Mascarenhas, 549

Bairro: Fabrica / Juiz de Fora

Telefone: (+55) 32 3235-1836

Email: contato@pemse.org.br


Horário de funcionamento

Segunda a Sexta-feira: 8hrs ás 18hrs

Projetos

Sede - Casa de Semiliberdade Caminheiros de Jesus

A Casa de Semiliberdade Caminheiros de Jesus, possui capacidade de atendimento para 16 adolescente do sexo masculino sentenciados ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

jf 4
jf 10
jf 8
jf 1

Últimos eventos - Casa de Semiliberdade Caminheiros de Jesus

Está nervoso? Vai pescar!! Mas…, tem que aprender a preparar! Depois, é só saborear!

A CSL Caminheiros de Jesus conta com um pequeno açude em que são criadas Tilápias. Com o cuidado diário e manejo adequado dos peixes, […]

Leia mais

Oficina “Cultivo de Hortaliças”

A Oficina visa desenvolver o interesse pelo cultivo de alimentos, trabalhar a organização do espaço físico, seu planejamento limpeza e cuidados.
Os adolescentes são orientados […]

Leia mais

Oficina Cultura da Paz.

Desenvolvida pelo Presidente do PEMSE, Sr.Lidércio Bissoli Rocha, a “Oficina Cultura da PAZ” é realizada em encontros semanais nas Casas de Semiliberdade de Juiz […]

Leia mais

Apresentação Musical na CSL Caminheiros de Jesus

Na tarde de 24/10/2018 a CLS Caminheiros de Jesus recebeu a Oficina de Instrumentos Musicais da Associação Congregação de Santa Catarina – Obra Social […]

Leia mais

Luminárias em Canos de PVC.

Nos dias 02,03,04,05 e 08 de outubro os adolescentes da Caminheiros de Jesus participaram da Oficina de Luminárias em Canos de PVC. A oficina […]

Leia mais

Decoupage em pratos de vidro para decoração.

Nos dias 25,26,27,28/09 e 01/10 os adolescentes da Caminheiros de Jesus participaram da Oficina de Decoupage em Pratos de Vidro. Á técnica de Decoupage […]

Leia mais

Saúde Bucal é tema de palestra na Caminheiros de Jesus.

A CSL Caminheiros de Jesus em parceria com o Centro de Especialidades Odontológicas – CEO/Oeste promoveu a palestra “Saúde Bucal”, no dia 01 de […]

Leia mais

A Caminheiros de Jesus na campanha de orientação, prevenção e Combate as DST’s.

Preocupados em orientar os adolescentes sobre as formas de prevenção e tratamento das Doenças Sexualmente Transmissíveis, a CSL Caminheiros de Jesus promoveu no dia […]

Leia mais
jf 2
A Casa de Semiliberdade Bethânia, possui capacidade de atendimento para 20 adolescente do sexo masculino sentenciados ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

Email: cslbethania@pemse.org.br

Praca-Prefeito-Paulo-Carvalho-Praca-do-Trabalhador-em-Muriae[1]
A Casa de Semiliberdade Caminho e Vida, possui capacidade de atendimento para 20 adolescente do sexo masculino sentenciados ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

Email: cslmuriae@pemse.org.br

goval 2
A Casa de Semiliberdade de Governador Valadares, possui capacidade de atendimento para 20 adolescente do sexo masculino sentenciados ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

Email: cslgoval@pemse.org.br

Praça da LIberdade.

Local: Belo Horizonte
Data: 09-03-05
Foto: Lúcia Sebe/Imprensa MG
A Casa de Semiliberdade São João Batista, possui capacidade de atendimento para 20 adolescente do sexo masculino sentenciados ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

Email: cslsjb@pemse.org.br

bh 9
A Casa de Semiliberdade Letícia, possui capacidade de atendimento para 20 adolescente do sexo masculino sentenciados ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

Email: cslleticia@pemse.org.br

bh 3
A Casa de Semiliberdade Santa Amélia, possui capacidade de atendimento para 11 adolescente do sexo feminino sentenciadas ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

Email: cslsantaamelia@pemse.org.br

Lagoa da Pampulha com a Igreja de São Francisco, Mineirão e Mi
A Casa de Semiliberdade Venda Nova, possui capacidade de atendimento para 20 adolescente do sexo masculino sentenciados ao cumprimento da Medida Socioeducativa de Semiliberdade.  A Semiliberdade pode ser determinada, desde o início ou constituir uma forma de transição para uma medida em meio aberto. São estabelecidos  a obrigatoriedade da escolarização e atividades profissionalizantes, numa interação constante entre a entidade executora e a comunidade, utilizando-se, preferencialmente, recursos da própria comunidade. Aos adolescentes ainda é garantida a realização de atividades externas sem prévia autorização judicial.

Email: cslvendanova@pemse.org.br